segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Texto Cooperativo da Turma


O USO DA TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO

Diante do capitalismo, da corrida por melhores condições de vida, surge o desafio de reorganizarmos o nosso cotidiano, otimizando o uso do tempo e do espaço. Na busca por acompanhar as mudanças atuais, o uso das novas tecnologias vem se tornando cada vez mais indispensáveis à sociedade, a grande questão que se coloca é: estamos aptos a lidar com ela? Talvez o medo seja um dos maiores obstáculos enfrentados por aqueles que se deparam com algumas situações que exijam o uso da tecnologia, sobretudo quando falamos de computadores e internet. Podemos apontar como causa primeira a precariedade de acessibilidade a computadores e redes que permitam uma utilização mais democrática da tecnologia. Muitos indivíduos sequer ligaram um computador na vida ou acessaram a rede mundial. Outra questão importante a se ressaltar é a rapidez com que as tecnologias se renovam, quando conseguimos dominar uma ferramenta, esta já se tornou ultrapassada.
No cotidiano escolar, o uso e dificuldades de lidar com a tecnologia são ainda mais latentes, isso porque muitos dos nossos alunos já nasceram mergulhados nesse mundo tecnológico – MP4, smartphones de ultima geração, computadores, Ipad, tablets, são apenas alguns exemplos. Sem contar, que grande parte do corpo docente não compartilha dessa realidade, mas se veem quase que obrigados a darem conta de tantas mudanças para atender as novas demandas socioculturais que se apresentam.
Mas diante das dificuldades que o professor sente-se com a tecnologia torna-se pequena, quando ele(a) em suas pesquisas encanta-se pelas variedades que existem, com isto, a uma motivação para que ele(a) busque informações e aprendizagem. Através das mesmas realizamos um trabalho eficiente e dinâmico, motivando o ensino-aprendizagem diante das dificuldades vencendo assim os nossos próprios desafios, trazendo a tecnologia para a sala de aula e tornando facilitadora do trabalho didático além é claro de tornar as aulas bem mais prazerosas para os nossos alunos. 
Diante do que foi exposto, a tecnologia na educação apesar de todas as dificuldades existentes, continua sendo uma ferramenta necessária para o fortalecimento do trabalho pedagógico. As políticas públicas precisam ter um componente fundamental de formação e atualização de professores de forma que a tecnologia seja de fato incorporada no currículo escolar. Por fim, é preciso ainda avançar muito na criação de perspectivas no uso das tecnologias na escola e na formação dos professores para atuarem nessa área, uma vez que ainda não conseguimos desenvolver de forma significativa, metodologias para que os professores possam fazer uso dessa ampla gama de tecnologia da informação, fazendo relação com sua prática., 


Autores:
Adriana Nilvânia, Alexandra Telma, Ana Paula da Silva, Cezilma Lopes, Isabelle Bezerra, Iranilde Marcial, Ivete Oliveira, Luziane Guimarães, Maria Olindina, Maria de Lourdes, Paula Trajano, Rita de Cássia, Yuma Ferreira, Francinalva , Luciene Felipe, Maria José, Socorro Silveira, Nilsiene Melline Alcântara, Jarnderly Reis, Isabel Cristina, Adriana Maria, Maria Aparecida, Edna Pontes, Mônica de Fátima, Christiane Fely, Irací Medeiros...

Para continuar vocês, contribuíram nos comentários do mesmo na página do blog da turma ....

3 comentários:

  1. Vamos contribui e melhorá ainda mas nosso texto, conto com o entusiasmo de todos!

    ResponderExcluir
  2. Hoje a educação e a tecnologia são grandes aliadas no processo de aprendizagem, porém, precisamos ter muito cuidado com nossas crianças, orientando-as a forma correta de explorar o mundo vitual de informações existente através da internet e outros recursos, planejando bem e com objetivos e metas claras para nossos educandos.A escola ganhou mais essa aliada e enriquecedora aferramenta de trabalho, porém não podemos deixar de lembrarmos que a nossa responsabilidade também aumentou, pois muitos pais não se preocupam em orientar os seus filhos, porque acham que as escolas existem para fazer mais esse papel "substituir a família" npapel de educar.

    ResponderExcluir